“A persistência pode transformar a falha em uma extraordinária vitória.” Esse é o recado de Ana Maria Rodrigues às jovens atletas

Publicado em 25/09/2017 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly
Ana Maria Rodrigues recebendo prêmio Melhores do Ano 2016/ Foto: Acervo pessoal

Ana Maria Rodrigues recebendo prêmio Melhores do Ano 2016/ Foto: Acervo pessoal

Sempre dizem que quando se faz algo com amor tende a dar certo. É com amor de sobra e muita dedicação que Ana Maria Rodrigues representa muito bem o futebol feminino de Montes Claros.

Em 2016, Ana Maria foi contemplada com o prêmio Melhores do Ano, que para ela foi o primeiro passo de um grande sonho: a Seleção Brasileira.

Quando você decidiu se tornar uma atleta? Como foi o início?

Comecei a minha carreira como atleta aos 10 anos de idade. No início apenas brincava, jogava com os meninos da cidade onde morava. Foi um início que envolveu uma série de preconceitos, mas sempre me dediquei ao esporte com amor e nunca desisti de praticar o que amo.

Você tem algum ídolo em quem se inspire? Por quê?

Tenho como inspiração a Marta. Exemplo de atleta, mulher, de humildade. Ela é a figura que representa a garra, superação, determinação e a força da mulher no esporte.

Para você o que significa o esporte?

O esporte pra mim significa amor, amizade, companheirismo, humildade, qualidade de vida, oportunidades, experiência, aprendizado, dedicação. O esporte é ousadia, é alegria! É um transformador social que gera bem estar e equilíbrio físico e psicológico com o próprio ser! O esporte é vida!

Quais as principais mudanças que o esporte trouxe à sua vida?

O esporte abriu portas para minha vida, fez com que eu tivesse acesso a um ensino educacional de maior qualidade,  presenteou-me com grandes e importantes pessoas que foram fundamentais para meu progresso, grandes laços, amizades realizadas e com oportunidades de conhecer novos lugares. Foram diversas experiências que o esporte me proporcionou e que contribuíram fortemente para o meu desenvolvimento como atleta e como pessoa.

Quais suas principais metas para os próximos anos?

Pretendo buscar competições com maior visibilidade. Eu me interesso em prestar testes em clubes maiores para que eu possa desenvolver com maior qualidade o que amo, o futebol. Vou em busca de pódios, conquistas significantes para o esporte feminino. Corro com esperança no coração e sonhos na cabeça!

Qual a sensação de ter sido premiada no “Melhores do Ano 2016”? A que atribui esse resultado?

Ter sido premiada no Melhores do Ano de 2016 foi uma surpresa. Alegria transbordou dentro de mim, pois venho de cidade pequena, sem nenhuma visibilidade no esporte e logo me vejo sendo premiada como representante do futsal feminino. Essa medalha representa para mim, acima de tudo, amor. Amor pelo esporte. Além disso é resultado de muito esforço, dedicação, fé, humildade e trabalho em equipe. Esse prêmio será sempre lembrado por mim e espero que seja a primeira de muitas conquistas. O Melhores do Ano é a inspiração para seguir meus sonhos, sonho este de vestir e representar a camisa da Seleção Brasileira.

Orgulhosa de suas conquistas, Melhores do Ano é a inspiração da atleta para continuar seguindo seus sonhos Foto: acervo pessoal

Orgulhosa de suas conquistas, Melhores do Ano é a inspiração da atleta para continuar seguindo seus sonhos Foto: acervo pessoal

Qual o maior desafio que você enfrentou no esporte e como o superou ?

O maior desafio com o qual me deparei no esporte foi com o preconceito, visto que a presença de mulheres no esporte cresce e o preconceito ainda continua muito vigente. Mesmo com as conquistas, a visibilidade e credibilidade perante as mulheres é colocada diariamente em debate apenas por nós. Como superação, nunca desisti de fazer o que eu amo, sempre me dedico e mostro que sou realmente capaz de representar o esporte como qualquer outra pessoa, levando comigo humildade, fé e determinação como fatores primordiais de um atleta.

Como você disse, o futebol/futsal ainda é um universo muito masculino.  O que acredita ser necessário para superação deste desafio e as mulheres encontrem o espaço delas?

Visibilidade, credibilidade e respeito com a mulheres, continuam escassos, mesmo com a figura da mulher estar muito bem representada no futebol. Mulheres jovens dedicam seu tempo para jogar, mostrar que são atletas de qualidade em um universo que ainda é muito masculino. Apenas os homens recebem prestígio e idolatria tanto do público, como dos patrocinadores e da mídia, que contribuem em reforçar o tabu de que o futebol é um esporte restrito a homens, deixando assim o futebol feminino para escanteio.

Premiada na etapa regional dos Jogos Escolares de Minas Gerais 2016, Ana Maria é uma das jovens representantes femininas no futsal/ Foto: acervo pessoal

Premiada na etapa regional dos Jogos Escolares de Minas Gerais 2016, Ana Maria é uma das jovens representantes femininas no futsal/ Foto: acervo pessoal

Para que essa realidade seja mudada é preciso que a divulgação do futebol feminino aconteça com frequência e que a sociedade e as grandes empresas se envolvam e apoiem as mulheres, pois, assim como os homens tem grande fama pelo que fazem, as mulheres têm mesma capacidade e talento para fazer o mesmo. Os grandes clubes precisam abrir as portas para as atletas, dando a elas apoio e oportunidades, fazendo com que seus talentos sejam conhecidos mundialmente, com o devido valor à força da mulher no esporte.

Um recado para os jovens, principalmente meninas, que queiram praticar o esporte ou que estão começando.

Jovens, não deixem de sonhar. Persistam no que são bons e no que gostam de fazer. Sempre com humildade, dedicação, força de vontade, respeito e muita fé vocês chegarão longe e, com certeza, vão conquistar altos pódios. Nunca deixem de fazer o que amam e nunca deixem o esporte de lado, pois ele é a porta para um grande sucesso. E em especial às mulheres digo: o sucesso é um processo. Durante essa viagem, às vezes há pedras que nos são atiradas, mas nós as convertemos em objetivo. Mesmo diante de todo preconceito, falta de apoio ao universo feminino, nunca desistam, não abaixem a cabeça, mostrem que vocês são capazes de ir muito mais além do que a sociedade impõe, quebrando barreiras e conquistando os seus sonhos. Levem com vocês esta frase: “A persistência pode transformar a falha em uma extraordinária vitória.” E lembrem-se de que o trabalho árduo vence o talento quando o talento não trabalhou arduamente. Você é capaz de tudo! Sonhe e nunca desista!

Observatório do Esporte de Minas Gerais

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

“Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020 “Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020

16/10 “Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020