“Dedique-se e goste do que faz, sempre.” Esse é o conselho do técnico Luiz Américo

Publicado em 27/09/2017 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly
Luiz Américo/Acervo pessoal

Luiz Américo/Acervo pessoal

Subidas, descidas, pedras no caminho… assim como nas provas de ciclismo, a vida de atleta é cheia de percalços. Mas nada que com muita dedicação não possa ser superado. E, para Luiz Américo, dedicação é o ponto chave para chegar ao sucesso no esporte.

Conheça mais da história de Luiz Américo, técnico de Carangola que há mais de duas décadas  se dedica ao atletismo, na entrevista completa feita pelo Observatório do Esporte:

Como você começou a ter contato com a modalidade?

No ciclismo de competição iniciei há 22 anos. Um amigo possuía uma bicicleta dessas de competições em que fiquei muito interessado e pensei: “eu vou comprar uma bicicleta dessa também”. Com isso comprei e passei a treinar e ir às competições com ele.

Nesses 22 anos de prática do ciclismo, existe algum técnico ou técnica que se tornou um grande exemplo para você?

Bom, em nosso município é muito difícil. Estamos em uma cidade pequena e distante dos grandes centros, mas nós nos inspiramos em grandes competições com a Tour de France*, Giro d’Italia** e a Vuelta a España***, que são voltas que sempre acompanhamos e de onde tiramos inspirações para nossas competições.

O que significa o esporte para você?

O esporte para mim é tudo. Tudo na minha vida  envolve o ciclismo. Esporte é cuidar da saúde para estar sempre bem e viver pelo esporte. Eu vivo tanto para o ciclismo que tenho até uma oficina para trabalhar com bicicletas. É o tempo todo assim.

Qual a conquista que mais te marcou?

Aqui em Carangola há 51 anos ocorre a chamada “Corrida 1º de maio”, que me marcou muito, quando venci uma das edições. Além disso já fui bem colocado no “Desafio Vitória Anchieta”, que também é uma corrida tradicional; também fui campeão da Master B.

Existe alguma competição que você ainda não participou e que gostaria de participar?

Sim. Ainda não participei da L’étape, que é uma competição credenciada do Tour de France e que ocorre aqui no Brasil. Ainda sonho em participar dessa prova.

Qual a sensação de ter sido premiado no “Melhores do Ano 2016”? A que você atribui essa conquista?

Fiquei muito feliz. Esse é o resultado de muita dedicação porque nós sempre temos que fazer o melhor. Não só no ciclismo, mas na vida.

Um recado para os técnicos que queiram iniciar carreira no esporte ou que estão começando.

Para praticar ciclismo é preciso gostar muito de bicicleta. Se você não gostar e não se dedicar, independente do interesse, não terá muito sucesso. Dedique-se e goste do que faz, sempre.

Grandes competições

O ciclismo é uma modalidade que contempla diversas competições para as mais variadas categorias e para todos os tipos de público.

Conheça as mais famosas delas e que foram citadas pro Luiz Américo na entrevista:

* Tour de France: O Tour de France é uma competição de ciclismo que ocorre todos os anos na França. A prova possui 21 etapas que totalizam no final 3.500 km. É muito comum que algumas etapas sejam disputadas em países próximos como Bélgica, Itália e Alemanha fazendo com que a competição se torne um laço entre as nações.

** Giro d’Italia: corrida de longa distância que tem duração de aproximadamente 3 semanas. É considerada a segunda mais importante competição de ciclismo profissional, ficando atrás somente da Tour de France.

*** Vuelta a España: consiste em uma corrida de três semanas com rotas que percorrem a Espanha e que são modificadas todos os anos.

As três voltas juntas compõem “As Grandes Voltas da Europa”, que são os eventos de ciclismo mais importantes do mundo.

Observatório do Esporte de Minas Gerais

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

“Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020 “Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020

16/10 “Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020