Gestão esportiva: competências e qualificações do profissional de Educação Física

Publicado em 12/06/2017 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Este artigo tem o objetivo de verificar as competências e qualificações necessárias do profissional de Educação Física para a atuação na área de gestão esportiva. Para essa finalidade utilizamos como metodologia, a revisão bibliográfica. Constata-se que a expansão do mercado do setor esportivo e de fitness, o tornou muito participativo na produção de riqueza no Brasil e no mundo inteiro, não aceitando mais gestores “amadores”, passando a exigir profissionais altamente capacitados a fim de gerir as empresas relacionadas ao ramo. Cursos de graduação e especialização já oferecem boa base para a formação desses profissionais. Porém, quais são as competências que eles devem ter para tornarem-se gestores de qualidade? Concluímos que não são apenas as competências adquiridas durante a formação acadêmica que formam o gestor, há também competências advindas de seu ambiente e convívio social. A partir disto, exploramos todas as competências pertencentes ao bom gestor através de ferramentas teóricas sobre a gestão, bem como seus principais processos aplicáveis à administração esportiva. Podemos registrar que esse gestor pode ser um administrador especializado na gestão esportiva, ou também um educador físico, o qual já possui grande conhecimento técnico específico da área. Ao segundo deve-se somar especialização em gestão esportiva, a fim de se aprofundar na administração e gestão, reunindo todas as capacidades necessárias a tal função.

Leia o artigo completo aqui

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

“Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020 “Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020

16/10 “Cápsula do tempo” percorre o Brasil recolhendo depoimentos visando Tóquio 2020