Grupo de Dança Sarandeiros da EEFFTO abre inscrições para sua seleção anual de novos dançarinos

Publicado em 15/03/2018 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly
Em 38 anos de existência, o grupo realizou mais de 800 apresentações, lançou CDS e está prestes a viajar para Portugal em sua 15ª turnê internacional. (Foto: Sarandeiros/Divulgação)

Em 38 anos de existência, o grupo realizou mais de 800 apresentações, lançou CDS e está prestes a viajar para Portugal em sua 15ª turnê internacional. (Foto: Sarandeiros/Divulgação)

O Grupo de Dança Sarandeiros da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional (EEFFTO), coordenado pelo professor Gustavo Côrtes, realizará, no dia 14 de abril, sua audição anual para a seleção de novos dançarinos. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas por formulário disponível no site do grupo.

Podem participar pessoas com idade superior a 17 anos que demonstrem habilidades em qualquer estilo de dança e tenham interesse em participar de um grupo de danças brasileiras. É necessário ter disponibilidade de horários para participar dos ensaios, que acontecem na Sala da Dança da EEFFTO nas quartas-feiras de 19h às 21h30 e nos sábados de 10h às 12h30.

A audição selecionará um grupo de novos dançarinos que, durante três meses, terá a oportunidade de conhecer as atividades do Sarandeiros em aulas e oficinas sobre danças brasileiras. Ao fim desse período, no dia 29 de junho, os selecionados passarão por sua avaliação final, uma apresentação de dança na EEFFTO, e por meio dela, será decidida a relação definitiva de aprovados. A participação no grupo é gratuita e voluntária.

CLIQUE AQUI E CONFIRA O EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO


O Grupo

Inicialmente chamado Grupo Folclórico Sarandeio, foi criado em 1980 pelas professoras Marilene Lima e Vera Soares para ser um curso de extensão oferecido aos alunos da Escola de Educação Física da UFMG. Em 1997 a direção do grupo passou a ser do bailarino e coreógrafo Gustavo Côrtes, que o coordena até os dias de hoje. Em 38 anos de existência, o grupo realizou mais de 800 apresentações, lançou CDS e está prestes a viajar para Portugal em sua 15ª turnê internacional.

Preocupado com a globalização das culturas que visa à uniformização de todos os povos, o Sarandeiros justifica seu trabalho por ser um grupo de resistência que valoriza e preserva, através do espetáculo, a arte popular da dança e da música do Brasil. As apresentações são coreografadas com respeito e pesquisa às tradições culturais brasileiras e visam representar artisticamente o folclore vasto e diversificado do país.

Fonte: Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional (EEFFTO/UFMG)
Disponível em: https://goo.gl/uJ36q7 // Acesso em: 14/03/2018

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

Conheça o aplicativo Empurrando Juntos Conheça o aplicativo Empurrando Juntos

14/06 Conheça o aplicativo Empurrando Juntos