“O esporte é uma paixão em que os resultados mais importantes são os sorrisos e a satisfação de nossos alunos”, afirma treinador de goalball Eraldo dos Sandi

Publicado em 29/11/2017 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly
Goalball masculino conquista ouro nas paralimpiadas escolares 2015. (Foto: Acervo pessoal)

Goalball masculino conquista ouro nas paralimpíadas escolares 2015. (Foto: Acervo pessoal)

Desenvolvido especificamente para deficientes visuais, o Goalball é o único esporte paralímpico não adaptado, sendo o Brasil uma das grandes forças da modalidade. Pensando em fortalecer ainda mais o esporte, principalmente em nosso estado, o técnico Eraldo Sandi, de Poços de Caldas,  dedica-se ao Projeto Superar Limites, que, além de fomentar o esporte paralímpico, revela novos talentos.

Conheça um pouco da trajetória do treinador na entrevista feita pelo Observatório do Esporte.

1) Como você conheceu o esporte e como foi seu primeiro contato com o esporte paralímpico?

Durante minha graduação em Educação Física fui estagiário do Centro de Integração e Apoio à Pessoa com Deficiência Rogéria Amato (SESI/Cira), onde fiz vários cursos de capacitação em Belo Horizonte e conheci a árbitra de Goalball, Carla da Mata, que foi minha grande incentivadora até hoje no esporte paralímpico. Em 2006 criei o Projeto Superar Limites em Poços de Caldas, pioneiro no esporte paralímpico no Sul de Minas.

 2) Há algum técnico(a) que seja um grande exemplo para você?

Carla da Mata, coordenadora de arbitragem de Goalball no Brasil.

 3) Fale um pouco sobre a rotina de seus atletas nos treinos.  Há diferença no treinamento de atletas com deficiência e sem deficiência?

Nas modalidades de Goalball, atletismo PCD, tênis de mesa e bocha, faço treinos técnicos três vezes por semana. Faço também a preparação física com os atletas do Goalball, atletismo e tênis de mesa, três vezes por semana, na academia.

Sobre os treinamentos de atletas com deficiência e sem deficiência, não vejo  diferença.

4) Como você avalia as categorias de base atualmente? Podemos esperar novos talentos surgindo nos próximos anos?

O trabalho com a base não pára nunca, fazendo sempre surgir novos talentos.

 5) Como você avalia a estrutura do esporte paralímpico no Brasil?

Infelizmente, só vejo estruturas e centro de treinamentos em algumas capitais. No interior, ainda conheço grandes estruturas.

 7) Para você, o que significa o esporte?

Para mim esporte é socialização, oportunidade, manutenção corporal e  muita disciplina.

8) Qual a sensação de ter sido premiado no “Melhores do Ano 2016”? A que você atribui essa conquista?

Fiquei muito feliz em ter recebido essa premiação. Atribuo essa conquista aos meus atletas.

9) Um recado para os técnicos que queiram iniciar carreira no esporte ou que estão começando.

Acredito que a relação professor-aluno é essencial para o bom desenvolvimento esportivo, principalmente com alunos com deficiência. O esporte é uma paixão em que os resultados mais importantes são os sorrisos e a satisfação de nossos alunos .

Projeto Superar Limites

Com o objetivo de fomentar o esporte paralímpico em Poços de Caldas, o professor Eraldo Sandi fundou em 2006 o Projeto Superar Limites, a princípio com atividades de modalidade paralímpica Goalball e atividade física para terceira idade com 25 alunos e, recentemente,  completou  10 anos de existência, atendendo cerca de 110 alunos, dentro das instituições:  Associação Assistência aos Deficientes Visuais Poços de Caldas (AADV), Associação dos Deficientes Físicos de Poços de Caldas (ADEFIP) e Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD), nas modalidades Goalball, futebol de 7, tênis de mesa, bocha paralímpica, vôlei sentado, xadrez e atividade física para terceira idade.

Segundo Eraldo, o projeto Superar Limites é importante na inserção da pessoa com deficiência no paradesporto e no incentivo à pratica de esporte.

Qualquer pessoa com deficiência física ou visual a partir de 8 anos de idade pode participar do projeto.

Conheça o projeto

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

Movimente-se! Desafio 3: Mini Golfe Movimente-se! Desafio 3: Mini Golfe

15/01 Movimente-se! Desafio 3: Mini Golfe