Veja como foi o desempenho mineiro nos XI Jogos Sul-Americanos

Publicado em 08/06/2018 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Ao todo, os atletas mineiros conquistaram 8 medalhas na competição

Acontece hoje (08) a cerimônia de encerramento dos Jogos Sul-Americanos de Cochabamba. A equipe brasileira fez bonito, terminando na segunda colocação geral com 203 medalhas conquistadas [1]. O Brasil é um país de extrema tradição na competição, tendo terminado entre as três primeiras posições de todas as edições disputadas neste século [2].

Confira agora como foi o desempenho dos atletas Mineiros

Na natação, os atletas mineiros conquistaram três medalhas de ouro. A belo-horizontina Camila Lins Mello ajudou a equipe brasileira a conquistar o lugar mais alto no pódio nas provas de revezamento 4x100m e 4x200m livre. As premiações não são novidades para a jovem nadadora de 17 anos. Na última edição dos Jogos da Juventude, realizados em outubro do ano passado, a atleta brasileira conquistou 6 medalhas, sendo 3 de ouro [3].

Gabriel de Araújo Fantoni também fez bonito, conquistando a medalha de ouro nos 100m costas. O atleta mineiro venceu o paraguaio Matias López por uma vantagem de apenas 210 milésimos de segundos! O nadador, filho de professores de educação física, também já foi dono do recorde dos 50m costas no Troféu Maria Lenk na categoria Júnior II [4].

Atleta Nubia Soares. Foto: Wagner Carmo/ CBAt

Atleta Nubia Soares. Foto: Wagner Carmo/ CBAt

No atletismo, a atleta Núbia Aparecida Soares conquistou o ouro no salto triplo e ainda quebrou o recorde brasileiro e da competição. Saltando incríveis 14,59m, a triplista de Lagoa da Prata superou a marca anterior por 1cm, que pertencia a brasileira Keila Costa [5].

Minas também fez bonito no levantamento de peso. A belo-horizontina Luana Oliveira Madeira conquistou a medalha de prata na competição após levantar 77kg no arranco e 90kg no arremesso, totalizando 167kg. Está é a terceira medalha internacional da atleta, que é dona de dois recordes brasileiros na categoria até 48kg [6].

Sérgio Henrique competindo nos jogos. Foto: Hector Garrido

Sérgio Henrique competindo nos jogos. Foto: Hector Garrido

Sergio Henrique Neves Marins montou o cavalo Valentino, cedido pelo presidente da Federação de Hipismo da Bolívia, e conquistou o lugar mais alto no pódio após terminar o percurso em 45s21 e uma falta apenas. Esta é a primeira medalha de ouro conquistada pelo atleta mineiro nos Jogos Sul Americanos. Sérgio já havia ganhado duas de bronze e uma de prata [7].

Na luta greco romana, o atleta Ângelo Rafael Marques Moreira conquistou a medalha de bronze na categoria até 77kg.  O atleta belo-horizontino dedicou a vitória ao sogro Marcelo Sadonato, que faleceu minutos antes de Ângelo embarcar para a competição [8].

Os atletas mineiros também ajudaram na conquista da medalha de ouro do handebol brasileiro. A equipe feminina contou com a varginhense Jaqueline Anastácio, que já disputou mundiais e olimpíadas pela seleção [x], e pela campestrense Bruna Aparecida Almeida de Paula. O time masculino teve como peça Thiagus Petrus Gonçalves dos Santos, natural de Juiz de Fora. O atleta marcou 4 dos 55 gols marcados na goleada histórica contra a seleção chilena, em partida disputada pela fase de grupos [9].

Dados disponíveis em:  bit.ly/2Js4r1Y

Observatório do Esporte de Minas Gerais

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

Conheça o aplicativo Empurrando Juntos Conheça o aplicativo Empurrando Juntos

14/06 Conheça o aplicativo Empurrando Juntos