BodyBuilding: Conheça o esporte que está conquistando espaço em jogos internacionais

Publicado em 19/06/2018 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly, PDF & Email
Arnold Schwarzenegger com o campeão do Arnold Sports Festival Australia Foto: Arnold Schwarzenegger official website

Arnold Schwarzenegger com o campeão do Arnold Sports Festival Australia 2018
Foto: Arnold Schwarzenegger official website

Nos principais filmes de ação das décadas de 80 e 90, Arnold Schwarzenegger impressionava as audiências com o seu porte físico. Durante o auge da sua carreira estrelou sucessos de bilheteria como Exterminador do Futuro, Predador, Conan, o Bárbaro e tantos outros. Embora seja uma lenda do cinema, o que abriu as portas para o ator austríaco foi na realidade o esporte, o bodybuilding, modalidade da qual foi sete vezes campeão mundial.

Basicamente o bodybuilding, numa tradução literal, seria “construção do corpo”. Porém, a modalidade não se restringe a aparência física, refere-se também à construção da saúde, utilizando exercícios de musculação e uma dieta balanceada específica, como base.

Foto: Matthias Busse - Arnold 2012

Foto: Matthias Busse – Arnold 2012

A primeira competição de bodybuilding aconteceu em 1891, promovida pelo mito do esporte Eugene Sandow. Pela primeira vez, conceitos como volume, simetria, proporção e a definição dos músculos foram utilizados para eleger o vencedor  do melhor corpo.

Minas Gerais tem atletas em destaque no cenário internacional do bodybuilding. Segundo o presidente da Federação Mineira de BodyBuilding (FMBB) Cláudio Vidal: “Tivemos diversos atletas que conquistaram títulos importantes tanto para nosso estado como para o Brasil. Mas o de maior destaque nacional e internacional foi nosso atleta Charles Mario Soares (Charlinho), primeiro latino americano a ser Mr Universo”. Natural de Lavras, Charles Mário Soares foi duas vezes Mr Universo – NABBA (2005 e 2010) e venceu o torneio Arnold Classic em 2012.

Participação de atletas brasileiros em competições internacionais

A última edição dos Jogos Sul-Americanos, disputados no início do junho em Cochabamba,  contou com uma nova modalidade no calendário do evento: o Fisiculturismo. O Brasil conquistou duas medalhas na competição, nas categorias Bikini Fitness (Camile Marins 2º lugar) e Bodybuilding (Juscelino dos Santos 3º lugar).

Juscelino dos Santos e Camile Marins, medalhistas brasileiros nos Jogos Sul Americanos Foto: Divulgação Federação Mineira de Fisiculturismo

Foto: Divulgação Federação Mineira de Fisiculturismo

O Fisiculturismo também participará do Pan Americano de 2019, estreando na competição junto com o stand-up surf, stand-up race, longboard e o taekwondo poomsae. A competição acontecerá em Lima, capital do Peru, entre os dias 26 de julho e 11 de

BodyBuilding em Minas

Recentemente, o presidente da FMBB em reunião com o Secretário de Estado de Esportes em exercício Ricardo Sapi trataram sobre o desenvolvimento da modalidade em Minas Gerais. “… já tive muitos relacionamentos como outros secretários, com Ricardo foi diferente, um secretario visionário que me pareceu ser aberto aos esportes.”

Presidente da FMBB Cláudio Vidal com o Secretário de Esportes Ricardo Sapi Foto: acervo pessoal

Presidente da FMBB Cláudio Vidal com o Secretário de Esportes Ricardo Sapi
Foto: acervo pessoal

 

Observatório do Esporte de Minas Gerais

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly, PDF & Email

Comentários estão fechados

Videoteca

Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais

03/12 Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais