Melhor jogadora de Handebol do mundo é brasileira

Publicado em 27/02/2015 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

“Sou apaixonada pelo handebol. Faço tudo com muito amor. Acho que é isso que me destaca. Sou feliz em quadra”, comemora a jogadora.

Nesta quarta feira, 25/02, o posto de melhor jogadora do mundo de handebol retornou ao Brasil. Após a ponteira Alexandra Nascimento ter conquistado o título inédito para a equipe feminina em 2012, mais uma vez o handebol brasileiro foi reconhecido mundialmente.

Além de ter sido considerada a Jogadora Mais Valiosa (MVP) no Mundial da Sérvia em 2013, ela foi peça fundamental para a conquista do título inédito do Brasil no campeonato. 

A brasileira Duda Amorim venceu a eleição promovida pela Federação Internacional de Handebol (IHF) em duas fases, primeiro sendo escolhida por um júri especializado como uma das cinco melhores jogadoras da modalidade, depois através de votação popular, realizada entre os dias 13 e 20 deste mês no site da entidade, recebendo 35,2% dos mais de 55 mil votos de fãs e jornalistas superando outras quatro concorrentes. Duda deixou a romena Cristina Neagu em segundo lugar, com 25,8%, e a norueguesa Heide Løke em terceiro, com 16,8%, além destas, estavam concorrendo ao posto a sueca Gulldén e a espanhola Marta Mangué.

Na eleição masculina, após ter sido escolhido o melhor do mundo em 2007, o pentacampeão mundial, jogador do Barcelona e astro francês, Nicola Karabatic, saiu vitorioso com 33,7% dos votos.

A armadora Eduarda Idalina Amorim, de 28 anos, é colecionadora de títulos, ainda aos 13 anos foi vice-campeã da Liga Nacional pelo time do Metodista/São Bernardo. Em 2006 foi representar o time macedônio Kometal Skopje colecionando 3 títulos nacionais. Três anos depois, mudou-se para o handebol húngaro, tornando-se bicampeã da Liga dos Campeões da Europa (2013/2014) defendendo o Győri Audi ETO KC. Além de ter sido eleita a melhor armadora esquerda da Europa em 2014, Duda entrou para a seleção do campeonato continental de clubes na última temporada.

A atleta também se destacou, na seleção brasileira, conquistando o bicampeonato nos Jogos Pan-Americanos de 2007 e 2011, no Rio de Janeiro e Guadalajara respectivamente. Participou também dos Jogos Olímpicos de Pequim em 2008, quando a seleção nacional terminou na nona colocação, e em Londres-2012, cuja equipe brasileira foi eliminada nas quartas de final pela campeã Noruega. Já em 2013, quando o Brasil se sagrou campeão mundial feminino, ela foi eleita a melhor jogadora do campeonato.

A atleta, além de ressaltar o ótimo momento que o esporte vive no Brasil, com a conquista de 5 títulos nos últimos 4 anos, destaca que receber o prêmio pela segunda vez é de grande importância para o handebol brasileiro.

Duda, que vem se recuperando de uma cirurgia no joelho esquerdo, usa o título como estímulo em seu tratamento. Devido à lesão, não deve disputar os Jogos Pan-Americanos de Toronto, em Julho, porém, se esforça ao máximo para poder participar do Mundial na Dinamarca, em Dezembro.

Por: Jéssica Sabatine / SETES

Fonte:http://oglobo.globo.com/esportes/brasileira-duda-amorim-eleita-melhor-jogadora-de-handebol-do-mundo-15436158

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

IV SIGPE | Conferência: Temas emergentes que impactam na gestão das entidades esportivas IV SIGPE | Conferência: Temas emergentes que impactam na gestão das entidades esportivas

25/06 IV SIGPE | Conferência: Temas emergentes que impactam na gestão das entidades esportivas