Guilherme Vinícios declara amor ao voleibol e revela sonho de jogar fora do Brasil

Publicado em 21/02/2017 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly, PDF & Email

Foto: Arquivo Pessoal

A seleção masculina de vôlei do Brasil é uma das maiores potências do mundo na atualidade. Entra e sai geração, mas a tradição no esporte continua. Guilherme Vinícios, de Mato Verde, mas que atualmente reside em Montes Claros, quer fazer parte do próximo ciclo.

Guilherme atua como ponteiro e levantador. Assim como a também ponteira Fernanda Garay, da seleção feminina, em quem o jovem se inspira, Vinícios quer atuar fora do Brasil futuramente.

Confira a entrevista completa do Observatório do Esporte de Minas Gerais com Guilherme Vinícios:


Quando você decidiu se tornar um atleta?

“Eu comecei aos nove anos de idade, quando jogava na escola, pela Educação Física. Pouco tempo depois fui chamado para treinar com o time da cidade. Em 2015 fiz um teste no Montes Claros e também entrei no colégio, onde me formei.”

Você tem algum ídolo em quem se inspira?

“Fernanda Garay, pela vibração dela, o modo que ela dita o jogo. Muito confiante.”

Qual o maior desafio que você enfrenta no esporte? E como busca a superação?

“Durante esse período eu passei por muitos desafios, pelo fato de nem sempre ter morado em Montes Claros. Eu vim de uma cidade chamada Mato Verde com minha irmã e sempre faltava tempo pra estudar, pois tinha que treinar.”

Para você o que significa o esporte?

“O vôlei para mim é algo fundamental. Uma nova vida.”

Quais as principais mudanças que o esporte trouxe à sua vida?

“O esporte me proporcionou muitas oportunidades, como jogar fora. Serviu também na questão da qualidade de vida. Hoje consigo ajudar minha família, pois me ajudaram muito no passado.”

Quais são suas principais metas para os próximos anos?

“No ano que vem pretendo jogar fora e tentar chegar à Superliga. Assim, quero atuar em um time maior, mais reconhecido.”

Qual foi a sensação de ter conquistado o prêmio “Melhores do Ano 2016”?

“Foi uma sensação muito boa. Eu sempre sonhei em ganhar um prêmio, mas nunca esperava que chegaria neste momento. Só tenho que agradecer pela oportunidade.”

Um recado para os jovens que queiram praticar o vôlei ou que estão começando:

“No início tudo é difícil, mas o segredo é nunca desistir”

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly, PDF & Email

Comentários estão fechados

Videoteca

Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais

03/12 Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais