II Jogos Indígenas de Minas Gerais começam dia 24 de julho em Carmésia.

Publicado em 12/07/2013 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly, PDF & Email

A aldeia Pataxó do município de Carmésia-MG se prepara para receber um dos mais importantes eventos do estado de Minas Gerais- A Segunda Edição dos Jogos Indígenas de Minas Gerais.

Os jogos tem como objetivo garantir o resgate das culturas tradicionais indígenas, promovendo o esporte sócio educacional como identidade cultural, voltado à promoção da cidadania indígena, da integração e  de valores tradicionais.

A realização dos Jogos Indígenas de Minas Gerais é uma conquista do Conselho dos Povos Indígenas de Minas Gerais – COPIMG a partir de uma emenda da Comissão de Participação Popular, durante a revisão do Plano Plurianual de Ação Governamental (PPAG). O evento tem apoio da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude-SEEJ e do Deputado Estadual André Quintão.

Os jogos acontecem entre os dias 24 a 28 de julho, na aldeia Sede, povo Pataxó, município de Carmésia, localizada á 220 km da capital Belo Horizonte. Serão 03 dias de competições e apresentações culturais em que são esperados aproximadamente 350 indígenas, além dos indígenas das aldeias do município para participarem do evento.

Estarão presentes indígenas das 11 etnias do Estado de Minas Gerais. Haverá participação dos povos: Xakriabá, Pataxó, Tuxá, Maxacali, Krenak, Xukuru- kariri, Caxixó, Aranã, Pankararu, Mucurim, Pataxó Hã hã hãe e Tupiniquim. Alem disso, serão esperados universitários, parceiros e aliados da causa indígena.

As modalidades disputadas serão:

Derruba o Toco: A modalidade “Derruba o Toco” é de origem indígena que consiste na disputa entre dois guerreiros que travam uma batalha em uma arena, que ao centro está posicionado um toco ou um objeto semelhante, exemplo garrafa pet. O objetivo do jogo é fazer com que o adversário derrube o toco utilizando os pés, mãos e/ou braços. Para isso utiliza-se de puxadas ou desequilíbrios, agarrando as mãos ou pernas estando os participantes vetados de golpes no pescoço e cabelos. A forma de disputa desta competição é a quantidade de vitórias.

Zarabatana – Os competidores masculinos irão tentar acertar o alvo na distancia de 15 metros e as competidoras femininas irão tentar acertar o alvo na distancia de 7 metros.

Arco e Flecha:  Alvo com distância de 30m(masculino) e 15m (feminino). Vence o guerreuro que  acertar o alvo mais vezes em cinco chances.

Bodok – Os competidores terão que acertar o alvo em uma distância de 15 metros. O atleta que acertar será o campeão. Caso haja vários acertos os mesmos continuarão a jogar ate que um apenas acerte o alvo.

Arremesso de lança – Aquele que arremessar a lança em uma maior distância será o vencedor da prova.

Corrida do maracá: Composta por no mínimo 10 atletas. Cada atleta percorre uma distancia de 200m, sendo 100m de ida e 100m de volta, ao retornar o competidor ira passar o maracá (espécie de chocalho) para seu companheiro de equipe que também fará o mesmo percurso. Ganha a equipe que fizer em menos tempo.

Futebol – As regradas aplicadas no futebol serão as regras convencionais aplicadas em jogos profissionais.

Corrida a Distância– Corrida de 2 km para mulheres e 3 km para homens.

Cabo de Guerra –  10 atletas de cada lado, 1° Atleta de cada equipe ira segurar na Mão do 1° atleta da outra equipe os demais irão segurar na cintura do companheiro da frente quem conseguir arrastar a equipe adversária para o seu campo será o vencedor da prova.

Os jogos não buscam promover o esporte de alto rendimento mas fortalecer a identidade cultural, celebrando o espírito de confraternização digna e respeitosa com a sociedade não indígena e acima de tudo recuperar a auto estima dos indígenas.

Mais informações sobre o evento: (31) 2108-5170, darklane.rodrigues@almg.gov.br

Fonte: Pataxomg

 

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário

Você deve estar logado para postar um comentário.

Videoteca

Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais

03/12 Impulsiona realiza live sobre atividade física no retorno às aulas presenciais