Caratinguense conquista vaga na Seleção Brasileira de Taekwondo

Publicado em 12/03/2018 por

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly
a

Aos 16 anos, Marcos Toledo é faixa preta de Taekwondo e integra a Seleção Brasileira (Foto: Poliana Tupinambá)

O faixa preta Marcos Toledo de Souza, 16 anos, da Academia Top Fitness, é Seleção Brasileira de Taekwondo no ano de 2018. Filho do motorista Marcos Toledo e da dona de casa Marcilene Gonçalves, o atleta participou do Grand Slam de Taekwondo em  (24/02), no Centro de Treinamento da Marinha do Brasil, no Rio de Janeiro e sagrou-se campeão na categoria juvenil (até 63 kg).

O resultado garantiu vaga para participação no Mundial de Taekwondo, evento ligado ao Comitê Olímpico Internacional, que será realizado na Tunísia em abril de 2018. Nascido, criado e treinado em Caratinga, ao longo de 12 anos vem conquistando seu espaço. O jovem já participou de diversos campeonatos como: Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Grand Slam. “Comecei com quatro anos de idade com meu tio mesmo. Quem me colocou foi ele mesmo. Ele teve a iniciativa. Fui gostando e quando fiz 8, 9 anos, os treinos começaram a ser mais pesados, para serem mais específicos para um dia ser o que consegui hoje: campeão. Peguei a faixa preta com 11 anos e comecei a pegar pesado nos treinos. Tudo que tenho hoje é graças ao taekwondo”, afirma o jovem atleta.

O atleta com o tio e treinador, Márcio Toledo, após a vitória no Grand Slam. (Foto: Poliana Tupinambá)

O atleta com o tio e treinador, Márcio Toledo, após a vitória no Grand Slam. (Foto: Poliana Tupinambá)

Para adquirir alto grau técnico em tão pouca idade, Marcos contou com o apoio de um profissional de Educação Física, que desenvolveu planilhas de nutrição e de treinamento baseadas em literaturas específicas de cientistas russos. O tio que ele cita é Mário Toledo, faixa preta 3º Dan e responsável pelos treinamentos do garoto. “Desejo que ele continue sendo o sobrinho que é, dedicado nos estudos e no treino, ótima pessoa, siga obediente como é com os pais e o tio dele. E seguir com essa determinação: levanta às 6 da manhã, prepara tudo, vai para a escola, estuda e treina. Não tem tempo ruim para ele”, afirma Mário.

Além disso, o acompanhamento de fisioterapeutas sempre foi essencial. A renúncia financeira que os profissionais fizeram ao prestarem atendimentos gratuitos em prol do atleta, que é de família simples, contribuiu para os resultados. O atleta faz questão de demonstrar sua gratidão. “Treino de segunda a sábado. Mas, por traz disso tenho muitas pessoas que me ajudam. Preparador físico, nutricionista, ortopedista, fisioterapeuta. Todo mundo junto me ajuda; se tirarem um deles não é a mesma coisa. Espero conseguir mais medalhas como essa, continuar na Seleção Brasileira e através do Taekwondo facilitar os meus estudos, conseguir alcançar o ensino superior, como sempre sonhei”.

Marcos Toledo deixa um conselho para aqueles que, assim como ele, sonham em chegar no topo da carreira esportiva. “Quando se começa desde criança, é possível que chegue lá em cima assim como cheguei. No começo você gasta dinheiro, mas depois vai ter um retorno, reconhecimento e vai valer a pena. Quando o ‘cara’ ganha as coisas com o esforço dele, é muito bom. Ele sente isso. Vai querer ganhar de novo, vale a pena. Quem está começando agora, se dedicar você consegue e acreditar em si principalmente. Superar seus limites e chegar lá”.

Apoio

Marcos Toledo tem apoio do Bolsa Atleta da Prefeitura de Caratinga (Foto: Poliana Tupinambá)

Marcos Toledo tem apoio do Bolsa Atleta da Prefeitura de Caratinga (Foto: Poliana Tupinambá)

A Prefeitura de Caratinga, por meio do Bolsa Atleta e outros incentivos, vem criando campanhas para ampliar as condições de que jovens como Marcos Toledo, possam alcançar bons resultados no esporte.

Certamente o atleta ainda terá grandes lutas pela frente, uma delas depende de apoio financeiro da sociedade caratinguense, para viabilizar sua participação no Mundial. O patrocínio é fundamental para cobrir as despesas de deslocamento, hospedagem, alimentação e taxas de inscrições. Ainda há outras formas de contribuir com o atleta, por exemplo, a obtenção gratuita pelo comércio local de suplementação, complexos vitamínicos e nutrição esportiva, material esportivo, consultas médicas especializadas, doação de milhas aéreas, e alimentos básicos.

O Conselho Municipal de Esportes acompanha a carreira do atleta há três anos e atesta a seriedade com que a família gerencia os recursos obtidos através do Benefício Bolsa Atleta de Caratinga. “Não há melhor retorno de investimento do que este que fizemos em Marcos. Temos em nossa cidade alguém de mérito próprio, de carreira consolidada para que outros possam ver e se espelhar. Avançamos enquanto política pública. Já são sete anos de Bolsa Atleta que favoreceu a continuidade dos trabalhos e somada à persistência dos agentes desportivos enfim alcançamos o mais alto grau de representatividade no país, e olha só, numa modalidade Olímpica, o Taekwondo”, reflete a presidente do Conselho Municipal de Esportes e Lazer de Caratinga, Juleny Leite de Mattos.

Caratinga como referência no esporte

Localizada no território Vale do Aço, a cidade de Caratinga ocupou em 2017, pela terceira vez consecutiva, o primeiro lugar entre os municípios que pontuaram no ICMS Solidário – Critério Esportes ano-base 2016.

Entre as iniciativas desenvolvidas em Caratinga que resultaram na boa pontuação no mecanismo da Secretaria de Estado de Esportes (SEESP) estão a participação de atletas da cidade em competições de diferentes modalidades por todo o país e a realização os Jogos Estudantis Municipais, que classificaram os campeões para os Jogos Escolares de Minas Gerais – JEMG/2017.

Fonte: Diário de Caratinga [Adaptado] Disponível em: https://goo.gl/tt9hAE. Acesso em 12 de março de 2018

Imprimir Envie para um amigo por email
Print Friendly

Comentários estão fechados

Videoteca

#EsporteSemAssédio – Conheça campanha do Ministério do Esporte #EsporteSemAssédio – Conheça campanha do Ministério do Esporte

09/04 #EsporteSemAssédio – Conheça campanha do Ministério do Esporte